Segunda-feira, 23 de Setembro de 2013

Eu li... Janete Rodrigues Ribeiro

SINA

 

Por que você me leva a fazer
coisas que no fundo,
eu não queria?
Coisas que não posso controlar?
Por que, olhando nos teus olhos
eu vejo além da vida,
eu olho um passado remoto,
um encontro, uma despedida?
Por que, a sensação de pecado,
de erro,
de caminhos cruzados,
essa força que nos atrai? Por que, por um acaso do destino
você cruzou meu caminho
e, agora,
não sei como desviar?
Por que, sem querer, fui te encontrar,
se não era nada que eu procurava,
se você já havia demarcado sua vida
e eu estava fora, escondida?
Por que, por que, por quê?
Como as respostas encontrar
como fugir de tua boca
com essa vontade louca de te beijar?
Por que será que o destino
fez a gente se encontrar
será que é um teste,
ou um acaso singular?
E agora, fico a perguntar
porque pergunto tanto
sem ter a quem perguntar
porque te quero tanto e não posso confessar?
Não sei o que responder
não consigo solução encontrar
estou em luta comigo
só sei que não posso te amar!
Tua vida, minha vida,
cada um em seu lugar
nosso caso não tem saída
nisso temos que pensar...
Não posso abdicar de tudo
todos os meus princípios
jogados fora , pelo ar,
terei que lutar, forças encontrar...
Deixar que sigas teu caminho
se carinho tens que a outra dar
e vivas em paz tua vida
e não voltes a me procurar!
Deixa-me só, seguindo solidão,
essa é minha sina
sofrer em vão
sem ter ninguém para amar!

 

In “O canto da Rosa”

 

Janete Rodrigues Ribeiro
(Poetisa Brasileira)
N. 1939

publicado por cateespero às 00:00
link do post | Deixe seu comentário | favorito

.Eu

.pesquisar

 

.Janeiro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Visitas desde Agosto.2008


contadores digitales

.Ano VIII

.Estão neste momento...

.posts recentes

. Eu li... Cristina Sant'An...

. Eu li... Ferreira Gullar

. Eu li... Machado de Assis

. Eu li... Olavo Bilac

. Eu li... Rainer Maria Ril...

. Eu li... Serafim Leite

. Eu li... Bertolt Brecht

. Eu li... Casimiro de Brit...

. Eu li... Antonia Pozzi

. Eu li... Angel María Daca...

.arquivos

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds