Quinta-feira, 18 de Abril de 2013

Eu li... D. Francisco Manuel de Melo

O ÓDIO E O AMOR

 

Ouvi que o Ódio e o Amor

Jogaram a matar um dia,

A quem matava melhor:

Um se armou todo de dor,

Outro todo de alegria.

 

Ia o Ódio, o arco atesado,

Sempre envolto em fúria brava,

Fero, medonho, indignado:

Ia o Amor, mui repousado,

Salvando a quantos topava.

 

As gentes, que o Ódio viam

De tal jeito, anteparavam,

E as mais sem parar fugiam:

As setas se lhe perdiam,

Como do arco lhe voavam.

 

Mas indo delas fugindo

Os tristes homens com medo,

Eis o Amor, que era já indo,

Vai matando e vai ferindo,

Muito falso, e muito quedo,

 

Depois ao fazer da conta,

Com ser destro o Ódio e membrudo,

Não fez nada, ou tanto monta;

E o Amor só, sem perder ponta,

Tinha morto quase tudo.

 

Donde de certo se sabe,

Que por mais que o Amor estude,

Inda o Ódio é menos grave;

Somos tais, que em nos não cabe

Excesso, nem de virtude.

 

 

In “Obras Métricas”

 

D. Francisco Manuel de Melo

1608 – 1666

publicado por cateespero às 00:00
link do post | Deixe seu comentário | favorito

.Eu

.pesquisar

 

.Março 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Visitas desde Agosto.2008


contadores digitales

.Ano IX

.Estão neste momento...

.posts recentes

. Eu li... Laura Riding

. Eu li... Carlos Drummont ...

. Eu li... Juan Ramón Jimén...

. Eu li... Vincenzo Cardare...

. Eu li... Mário Alencar

. Eu li... Mauro Manhiça

. Eu li... Umberto Saba

. Eu li... Raffaele Carrier...

. Eu li... Mia Couto

. Eu li... Cristina Sant'An...

.arquivos

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds